quarta-feira, 5 de março de 2008

Parece impossível!!!!

Estava eu muito sossegada a ler o jornal aqui na Biblioteca qual não é o meu espanto vejo a seguinte noticia, passo a transcrever:

«Chama-se Abu Ruzaliz, é professor de psicologia na Universidade de Umm al-Qra, em Meca, Arábia Saudita, e bebeu um café com uma aluna Hélas (não me perguntem se é o nome dela porque também não sei). Terá sido este o pior erro da sua vida: a policia religiosa, que quase se cola às paredes à procura destas banalidades, ficou a saber do ''crime'' (um homem e uma mulher a confraternizar à volta de uma chávena de café) e não esteve pelos ajustes, condenando-o a oito meses de prisão e às inevitáveis chicotadas, no seu caso 180. As brigadas Mutaween. veladoras dos bons costumes, garantem que o ''suspeito'' já admitiu que bebeu o café, passando, pois, a ''réu'', ''acusado'' e, um dia destes, a supliciado. Mas há quem garanta que o professor muito respeitado está ''inocente''.»


Após uma atenta leitura eu pergunto valerá a pena comentar?!

Impressionante como estes tipos se preocupam com coisas banais, superficiais, em vez de se preocuparem com a pobreza de espírito principalmente... ainda nós nos queixamos ... , por favor olhem para esta gente ... nem falo mais para não dizr asneiras!!

Ps- Ontem também li uma noticia em que o homem tinha que oferecer não sei quantos MIL rosas à mulher porque ainda não tinha pago o dote... enfim...

2 comentários:

Ilda disse...

Porra tudo isso por causa de um café? Olha se tivessem comido qualquer coisita!?

Ricardo Sousa disse...

Muito provavelmente, esses moinas que andam atraz dessas banalidades, são os que violam as mulheres, têm para aí umas 4 ou 5 mulheres....Vêm para a rua cheios de peito.....armados em defensores de Alan.
metalidade tacanha.....